homem-com-tablet-gestao-agricola
Gestão Agrícola

Gestão Agrícola: Aumente a produtividade na Fazenda

Não é novidade que a Gestão Agrícola pode melhorar o desempenho no campo, impulsionando os lucros da sua fazenda e, em consequência, a economia brasileira.

Deixe aqui o seu e-mail e receba ofertas e conteúdos exclusivos para aprender mais!


Mas alcançar isso não é tão simples quanto parece. O ótimo desempenho depende de algumas variáveis, como maior produtividade e redução dos custos.

E o que fazer para atingir isso? 

Bom, realizar uma boa Gestão Agrícola já é um grande passo!

O que é Gestão Agrícola?

Primeiramente, uma boa Gestão Agrícola deve ser capaz de planejar e organizar todos os setores e atividades da fazenda constantemente e de maneira detalhada.

Esse gerenciamento ocorre de várias maneiras. 

Pode ser estudando o custo-benefício para encontrar o melhor fornecedor, direcionando e motivando os funcionários, encontrando maneiras de economizar recursos ou até mesmo fazendo o controle de pragas, por exemplo.

Logo, Gestão Agrícola é aquilo que faz com que as tarefas sejam concluídas da melhor maneira possível, com os menores custos, menor tempo ou resultando no aumento da produção.

Simples até aqui, não? A seguir iremos explicar como é possível utilizar essa gestão no seu negócio.

Qual a diferença entre Gestão Agrícola e Administração Rural?

Essa é uma dúvida frequente nas páginas de conteúdo online.

Pode parecer a mesma coisa, mas existe sim diferença entre gestão e administração do campo. 

A Administração Rural irá enxergar a fazenda como uma empresa de fato, olhando “de cima” os processos. Ela é mais abrangente e geral.

Objetivos, estratégia, finanças e lucros, tudo isso é pauta do administrador rural, que não necessariamente é o gestor agrícola. 

O primeiro costuma ser o responsável pelo escritório, enquanto o segundo é o que está presente no dia-a-dia da produção.

A Gestão Agrícola é focada na execução do que foi planejado

É por isso que o gestor agrícola deve possuir bastante conhecimento sobre o campo, porque só assim ele saberá direcionar cada etapa da melhor forma.

Como praticar a Gestão Agrícola na minha fazenda?

Quer saber o que deve ser feito para que a começar a Gestão Agrícola na sua propriedade? Anote bem as seguintes recomendações:

Escolha muito bem os produtos utilizados 

Utilizar matéria prima de qualidade, como sementes, insumos e defensivos, é essencial para ter uma boa produtividade. 

E isso não significa necessariamente gastar mais. O importante é o custo-benefício

Opte por mão de obra capacitada

Trabalhar com pessoas que entendem os processos da fazenda e que estão dispostas a aprender diminui o tempo gasto com supervisão e ainda elimina perdas de recursos e produção

Abuse da tecnologia

Hoje em dia, a tecnologia já permite que, pelo celular, você seja capaz de gerenciar os processos do campo, desde maquinário, plantio, irrigação, até os funcionários.

Use ferramentas, como Softwares agrícolas, para controlar a fazenda em tempo real e deixar tudo no jeito.

Isso diminui muito os custos de produção e o tempo perdido.

Organize os dados coletados

Não adianta coletar dados se você não os organiza e transforma em informação.

Aliás, a Gestão Agrícola se torna muito mais efetiva se tudo o que acontece na fazenda for registrado. 

Com isso, é possível analisar as necessidades da sua Empresa Rural e tomar as melhores decisões possíveis.

Deixe aqui o seu e-mail e receba ofertas e conteúdos exclusivos para aprender mais!


Finalmente, monitore os processos!

Monitorar é basicamente gerenciar todos as etapas produtivas dentro da fazenda.

O gestor é o responsável por saber tudo o que acontece durante as atividades e, dessa forma, ir melhorando a rotina agrícola.

Você pratica a Gestão Agrícola na sua fazenda? Anda alcançando os resultados esperados? Compartilhe com a gente nos comentários! 

Você também pode gostar...